quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Mão na massa por um mundo melhor.

Com a mão na massa.



Se quisermos mostrar as pessoas que é possível viver de maneira mais equilibrada com o ambiente devemos adotar esses ideais na prática do dia a dia. No final da semana passada começamos a utilizar em nosso acampamento banheiros ecológicos e composteira.
O princípio básico do banheiro seco é a não utilização de água. Para a sua construção foi cavado um buraco no solo onde os resíduos ficam armazenados, a cada descarga de matéria orgânica é despejado um material de natureza básica (pó de serra com cinza) que se encarregara de neutralizar a acides da matéria orgânica, possíveis odores, além de criar um meio desfavorável para os coliformes fecais.
Quando o buraco atingir certo nível a estrutura deve ser trocada de lugar e ocupar um novo buraco, a sugestão é que se plante uma muda de árvore não frutífera no local. Para a construção do banheiro foi utilizada madeira de reuso e na parte estética foi feito um mosaico no chão com piso reaproveitado.
O esterco humano que pode apresentar problema sanitário, já a urina não, por isso foi também construído um mictório ecológico onde a urina é direcionada para o solo provendo nutrientes ao mesmo sem risco de toxicidade.
Outra etapa que já conseguimos concluir foi a construção de uma composteira, onde aproveitamos os resíduos orgânicos proveniente do descarte da cozinha. Foi reservada uma pequena área do terreno onde a matéria orgânica é depositada e por cima uma camada de folhas secas é acrescentada para ajudar a equalizar a relação de carbono e nitrogênio, permitindo também uma maior oxigenação da matéria e mais rápida decomposição formando por fim um composto (adubo natural).
Até breve!


Carolina Marçal dos Santos, 22, Green Reporter para o Fórum Social Temático 2012-Porto Alegre.

Um comentário:

Valdeci disse...

Seria interessante seu texto vir seguido de fotos!

Parabéns pelo trabalho!